Experimento de J. J. Thomson

     Em 1898, o físico inglês Joseph John Thomson, após realizar uma série de experimentos científicos com descargas elétricas em gases, concluiu que qualquer matéria, independente de suas propriedades, continha partículas de massa muito menores que o átomo de Hidrogênio. Verificou também, que estas partículas tinham carga negativa e que, em determinadas circunstâncias, podiam ser extraídas dos átomos.

    Este conjunto de informações levou-o a sugerir que  a estrutura do átomo seria semelhante a uma esfera de carga positiva, na qual havia corpúsculos (elétrons) de carga negativa, distribuídos uniformemente, algo semelhante a um “Pudim de Passas”.

    Indubitavelmente a maior contribuição de Thomson para o modelo atômico atual foi a descoberta do que ele chamou de corpúsculos negativos, mas que hoje conhecemos como elétron.

     O vídeo abaixo apresenta como e em que circunstâncias Thomsom descobriu a existência dos elétrons.



Clique na imagem para uma visão 3D do Experimento (utilize o mouse para mudar o ângulo de visão)

alt


 

Links interessantes sobre o assunto:

Descrição do Experimento pela UFSM

Descrição do Experimento pela UFSC

Biografia William Crookes